A TUA MAIOR E MELHOR FONTE PORTUGUESA DA DEBORAH SECCO

Get your own Poll!
18
Set 10

Foto: Agnews

 

Deborah Secco revelou que está se empenhando no projeto ‘gostosona’ e que precisa engrossar a perna, segundo divulgou “O Dia”.

“Queria ficar com um corpão. Estou tentando, estou malhando. Mas tenho uma preguiça…”, disse a actriz ao jornal. Deborah tem se esforçado para ficar com as pernas torneadas e um coxão, físico da nova personagem na próxima novela das oito.

Ela interpretará Natalie, ex-participante de um reality show, na novela de Gilberto Silva chamada ‘Lado a Lado’. A actriz tem sido vista diversas vezes por semana saindo da academia desde a época em que estava filmando ‘O Doce Veneno do Escorpião’, em que viveu Bruna Surfistinha e protagonizou cenas de nudez.

Para definir os músculos, Deborah investe no pilates todos os dias. Além disso, tem feito uma hora e meia de musculação duas vezes por semana, com acompanhamento de um personal trainer.

 

Fonte: Abril

publicado por Deborah Secco Portugal às 14:13

Elas foram fotografadas passando pelo local nesta quarta-feira, 15

 

Funcionário de aeroporto deve ficar mega feliz quando dá de cara com Deborah Secco no guichê de atendimento, não é mesmo? Então imagine dar de cara com a actriz e com Viviane Araújo no mesmo dia. Pois foi isso que aconteceu nesta quarta-feira, 15, no aeroporto Santos Dumont, no Rio. Além delas, também foram fotografados no local Eliane Giardini, Caco Ciocler e Tarcísio Filho. É ou não um emprego animado?

 

Leotty Junior/,Agnews

Deborah Secco passando pelo aeroporto: estilosa

 

Fonte: Ego

publicado por Deborah Secco Portugal às 14:13

Deborah Secco usa vestido tomara que caia em inauguração de loja em SP. Foto: Orlando Oliveira/AgNews

 Deborah Secco é atracção de evento

 

A atriz Deborah Secco esteve na inauguração da loja Carina Duek, no shopping Iguatemi, em São Paulo, na noite de terça-feira (14), e chamou atenção com um vestido curto tomara que caia, que valorizou suas curvas.

Deborah tem malhado para encarnar a personagem Natalie, uma ex-participante de um reality show, na próxima novela das oito, Insensato Coração, da Globo.

 

Fonte: Terra

publicado por Deborah Secco Portugal às 14:13

Ique Esteves/TV Globo

A actriz se veste de Colombina e até de Bob Esponja em episódio carnavalesco da série As Cariocas. Nos bastidores das gravações, ela conta que tem uma personalidade com menos fantasias e nuances do que o público acredita

 

 OS VERSOS DA MÚSICA "Máscara Negra", imortalizada na voz do cantor e compositor Zé Kéti, bem poderiam servir de pano de fundo para a personagem vivida por Deborah Secco no episódio "A Suicida da Lapa" da série As Cariocas, que estreia em outubro, na Globo. Afinal, a produção montou um cenário típico dos grandes bailes de Carnaval de outras décadas para contar a história de Alice, papel da atriz, e Roberto, interpretado por Cássio Gabus Mendes. Fantasiados de Colombina e Arlequim, os personagens tentam apagar as desilusões do cotidiano e contam suas histórias de vida.
O baile, que na ficção acontece no boêmio bairro da Lapa, no Rio, foi gravado numa segunda-feira no final de julho, no PoloRio Cine e Vídeo, em Jacarepaguá. Em cena, Deborah e Cássio revezavam fantasias: de Colombina e Arlequim iam para Bob Esponja e Capitão América. Tipos tão inusitados se tornaram alvo de brincadeiras no set dirigido por Daniel Filho. "O que será da carreira do Cassinho depois do Capitão América?", provocava Daniel. Deborah devolvia: "O Capitão América foi a paixão da minha infância". Outro momento de descontração e muitas risadas aconteceu quando Deborah entrou no estúdio pela primeira vez vestida de Bob Esponja. "Oi amiguinhos! Agora é minha vez de pagar mico", brincou.

 

Quem via a animação da atriz no set nem imaginava a maratona de trabalho que ela atravessava naquelas semanas, quando se apresentou em várias capitais do País com a peça Mais Uma Vez Amor. Mas bastou uma pausa para o almoço e Deborah sucumbir ao cansaço. Enquanto o restante da equipe fazia a refeição, ela aproveitava para dormir por alguns minutos. À tarde, mais descansada, ela ouviu o conselho de Daniel Filho: "Deborah, não pinta tanto os cabelos, não. Deixa mais natural, as pessoas têm que gostar de você como você é". A atriz lembrou o diretor que foi ele mesmo quem iniciou o processo camaleônico de sua carreira. "Foi você quem pediu para pintar meu cabelo pela primeira vez, em Suave Veneno".
O clima de intimidade entre elenco e direção seguiu até o final da jornada, que terminou com um "Parabéns pra Você" para uma integrante da equipe. Enquanto Cássio se despedia rapidamente porque ainda voltaria para São Paulo, Daniel e Deborah se abraçavam. Era o último de dois dias intensos de gravação para o episódio escrito por Clarice Falcão e Gregório Duvivier. Antes, porém, Deborah recebeu Gente de roupão branco e peruca loura, na sala de maquiagem do estúdio, para um bate-papo:

A Alice é uma mulher camaleônica. Você também é assim?
Pelo trabalho, estou sempre disposta a mudar e talvez isso me transforme numa mulher camaleônica. Mas de verdade, acho que não. Tenho um pouco de preguiça de mudar qualquer coisa.

Sua personagem se depara com uma situação limite e pensa até em suicídio. Você já passou por situações extremas?
Graças a Deus, não. Mas minha mãe perdeu uma filha de 5 anos, foi um momento bem difícil. Para mim, a morte é a situação que mais me incomoda. Essa sensação de que vou perder pessoas que amo, que elas vão embora. Cresci com isso, meus pais tiveram que lidar com a perda muito cedo. Não é uma ordem natural da vida. Geralmente os filhos perdem os pais. Acho que vai ser assustador perdê-los. Sempre escutei minha mãe dizer que vai morrer antes da gente porque não aguenta perder outra filha. Talvez num momento como esse, eu pensaria como minha personagem.

 

Você e sua irmã caçula foram superprotegidas em função da morte de sua irmã mais velha?
Como eu vim logo depois da minha irmã e por ser parecida com ela, muitas pessoas me confundiam. Eu tinha essa coisa de não desagradar, era muito preocupada em não fazer meus pais sofrerem porque achava que eles tinham passado por todo sofrimento que uma pessoa podia passar. Mas eles sempre deixaram eu viver tudo o que queria. Comecei a trabalhar muito nova. Eles foram nota mil. Meu pai, por mais que não acreditasse que fosse dar certo, deixou.

A Alice é uma mulher inconstante. Ela se parece com você?
(Risos) Acho que não. Sou muito mais tranquila do que as pessoas imaginam. Hoje em dia, acho bom terem essa sensação, porque é sinal que minhas personagens estão sendo bem feitas. Porque elas, sim, são oito ou oitenta. Cada vez mais tento deixar a Deborah menos em foco. Li uma frase da Meryl Streep que traduz muito bem isso: o ator não tem que ter personalidade para que as pessoas acreditem na personalidade dos personagens que estão interpretando.

"Cada vez mais tento deixar a Deborah menos em foco.
Tento preservar um pouquinho as minhas verdades
para que as pessoas acreditem nas verdades das personagens"
Deborah Secco

 

É uma forma de manter sua privacidade?
É uma omissão do que realmente sou, como vivo, sinto e me expresso... Tento preservar um pouquinho essas verdades para que as pessoas acreditem nas verdades das personagens. O cantor bota sua personalidade à frente. O ator não. Ele vive das personalidades que cria e interpreta.

Tanto na série, como na peça Mais Uma Vez Amor e no filme Bruna Surfistinha você usa perucas. Existe nesse movimento algum desejo de disfarçar a Deborah?
Não. É que esse tempo de salão é muito cansativo, cola cabelo, perde dois dias, depois pinta. Já sei que na novela do Gilberto Braga vou ficar loira, então terei que ir ao salão de 15 em 15 dias para fazer mechas. Isso cansa muito.

 

Fonte: Isto é Gente

publicado por Deborah Secco Portugal às 10:35

Deborah Secco usa aliança do jogador Roger 

Deborah Secco estava malhando na academia Rio Sport Center, na Barra, quando foi flagrada com aliança do jogador Roger Flores

Deborah Secco pode até não confirmar que reatou com o marido, o jogador de futebol Roger Flores, mas ela já voltou até a usar a aliança de casamento. Deborah estava malhando na academia Rio Sport Center, na Barra, quando foi flagrada na manhã de quinta-feira com a joia no dedo esquerdo.

Para comparar, abaixo há uma foto do casal 20 dias depois do casório participando do “TV Xuxa”. Deborah e Roger subiram ao altar no dia 6 de Junho de 2009, se separaram em Abril deste ano e começaram a ensaiar uma reconciliação três meses depois. No fim do mês passado, os dois Foram flagrados pela coluna juntos em Maceió.

 

Fonte: Clicapiaui

publicado por Deborah Secco Portugal às 10:35

Ique Esteves/TV Globo

A actriz se veste de Colombina e até de Bob Esponja em episódio carnavalesco da série As Cariocas. Nos bastidores das gravações, ela conta que tem uma personalidade com menos fantasias e nuances do que o público acredita

OS VERSOS DA MÚSICA "Máscara Negra", imortalizada na voz do cantor e compositor Zé Kéti, bem poderiam servir de pano de fundo para a personagem vivida por Deborah Secco no episódio "A Suicida da Lapa" da série As Cariocas, que estreia em outubro, na Globo. Afinal, a produção montou um cenário típico dos grandes bailes de Carnaval de outras décadas para contar a história de Alice, papel da atriz, e Roberto, interpretado por Cássio Gabus Mendes. Fantasiados de Colombina e Arlequim, os personagens tentam apagar as desilusões do cotidiano e contam suas histórias de vida.
O baile, que na ficção acontece no boêmio bairro da Lapa, no Rio, foi gravado numa segunda-feira no final de julho, no PoloRio Cine e Vídeo, em Jacarepaguá. Em cena, Deborah e Cássio revezavam fantasias: de Colombina e Arlequim iam para Bob Esponja e Capitão América. Tipos tão inusitados se tornaram alvo de brincadeiras no set dirigido por Daniel Filho. "O que será da carreira do Cassinho depois do Capitão América?", provocava Daniel. Deborah devolvia: "O Capitão América foi a paixão da minha infância". Outro momento de descontração e muitas risadas aconteceu quando Deborah entrou no estúdio pela primeira vez vestida de Bob Esponja. "Oi amiguinhos! Agora é minha vez de pagar mico", brincou.

Ique Esteves/TV Globo

Quem via a animação da atriz no set nem imaginava a maratona de trabalho que ela atravessava naquelas semanas, quando se apresentou em várias capitais do País com a peça Mais Uma Vez Amor. Mas bastou uma pausa para o almoço e Deborah sucumbir ao cansaço. Enquanto o restante da equipe fazia a refeição, ela aproveitava para dormir por alguns minutos. À tarde, mais descansada, ela ouviu o conselho de Daniel Filho: "Deborah, não pinta tanto os cabelos, não. Deixa mais natural, as pessoas têm que gostar de você como você é". A atriz lembrou o diretor que foi ele mesmo quem iniciou o processo camaleônico de sua carreira. "Foi você quem pediu para pintar meu cabelo pela primeira vez, em Suave Veneno".
O clima de intimidade entre elenco e direção seguiu até o final da jornada, que terminou com um "Parabéns pra Você" para uma integrante da equipe. Enquanto Cássio se despedia rapidamente porque ainda voltaria para São Paulo, Daniel e Deborah se abraçavam. Era o último de dois dias intensos de gravação para o episódio escrito por Clarice Falcão e Gregório Duvivier. Antes, porém, Deborah recebeu Gente de roupão branco e peruca loura, na sala de maquiagem do estúdio, para um bate-papo:

A Alice é uma mulher camaleônica. Você também é assim?
Pelo trabalho, estou sempre disposta a mudar e talvez isso me transforme numa mulher camaleônica. Mas de verdade, acho que não. Tenho um pouco de preguiça de mudar qualquer coisa.

Sua personagem se depara com uma situação limite e pensa até em suicídio. Você já passou por situações extremas?
Graças a Deus, não. Mas minha mãe perdeu uma filha de 5 anos, foi um momento bem difícil. Para mim, a morte é a situação que mais me incomoda. Essa sensação de que vou perder pessoas que amo, que elas vão embora. Cresci com isso, meus pais tiveram que lidar com a perda muito cedo. Não é uma ordem natural da vida. Geralmente os filhos perdem os pais. Acho que vai ser assustador perdê-los. Sempre escutei minha mãe dizer que vai morrer antes da gente porque não aguenta perder outra filha. Talvez num momento como esse, eu pensaria como minha personagem.

 

Ique Esteves/TV Globo

Você e sua irmã caçula foram superprotegidas em função da morte de sua irmã mais velha?
Como eu vim logo depois da minha irmã e por ser parecida com ela, muitas pessoas me confundiam. Eu tinha essa coisa de não desagradar, era muito preocupada em não fazer meus pais sofrerem porque achava que eles tinham passado por todo sofrimento que uma pessoa podia passar. Mas eles sempre deixaram eu viver tudo o que queria. Comecei a trabalhar muito nova. Eles foram nota mil. Meu pai, por mais que não acreditasse que fosse dar certo, deixou.

A Alice é uma mulher inconstante. Ela se parece com você?
(Risos) Acho que não. Sou muito mais tranquila do que as pessoas imaginam. Hoje em dia, acho bom terem essa sensação, porque é sinal que minhas personagens estão sendo bem feitas. Porque elas, sim, são oito ou oitenta. Cada vez mais tento deixar a Deborah menos em foco. Li uma frase da Meryl Streep que traduz muito bem isso: o ator não tem que ter personalidade para que as pessoas acreditem na personalidade dos personagens que estão interpretando.

"Cada vez mais tento deixar a Deborah menos em foco.
Tento preservar um pouquinho as minhas verdades
para que as pessoas acreditem nas verdades das personagens"
Deborah Secco

 

Ique Esteves/TV Globo

É uma forma de manter sua privacidade?
É uma omissão do que realmente sou, como vivo, sinto e me expresso... Tento preservar um pouquinho essas verdades para que as pessoas acreditem nas verdades das personagens. O cantor bota sua personalidade à frente. O ator não. Ele vive das personalidades que cria e interpreta.

Tanto na série, como na peça Mais Uma Vez Amor e no filme Bruna Surfistinha você usa perucas. Existe nesse movimento algum desejo de disfarçar a Deborah?
Não. É que esse tempo de salão é muito cansativo, cola cabelo, perde dois dias, depois pinta. Já sei que na novela do Gilberto Braga vou ficar loira, então terei que ir ao salão de 15 em 15 dias para fazer mechas. Isso cansa muito.

 

Fonte: Isto é Gente

publicado por Deborah Secco Portugal às 10:35

01
Set 10

Segundo o blog Telinha, do jornal Extra, coincidência inesperada pegou de surpresa as equipes da próxima novela das oito e da série Na lama e na fama, do canal pago Multishow.
A personagem principal, interpretada por Érika Mader, é igual ao de Deborah Secco em Insensato coração, novela de Gilberto Braga que terá estreia em Janeiro. As duas serão ex-participantes de reality show, no estilo Big Brother Brasil, que tentam a todo custo se manter na mídia. Com o mal-estar, o perfil de Deborah Secco não mudará.

 

Fonte: Jornal da Manhã

publicado por Deborah Secco Portugal às 15:44

BEM VINDO (A)
Bem-vindo a este blog dedicado à talentosa actriz brasileira Deborah Secco. Aqui encontrarás as últimas notícias, fotos, videos e muito mais sobre a Deborah. Espero que gostes do meu trabalho e volta sempre que quiseres.
FOTO EM DESTAQUE

E-MAIL
Se tiveres coisas da Deborah Secco que queiras partilhar com outros fãs ou qualquer dúvida que tenhas deixa comentário no blog e serão te dadas todas as informações necessárias para enviares os dados.
subscrever feeds
mais sobre mim
Informações Blog
Dedicado: Deborah Secco Desde: 24 de Maio de 2008 Administradora: Patrícia Nome: Deborah Secco Portugal
GALERIA DE FOTOS (com mais de 2000 fotos e continuamos com actualizações)
ONLINE
online
pesquisar